Retrospectiva 2016: musical, tudo que foi hit

O ano de 2016, que não foi coisa boa de engolir, pelo menos  a música tivemos grandes lacres e alguns fails, e um VMA que percebemos que temos futuro ainda na música pop conceitual.

Já começamos de pé direito com um lançamento muito esperado, o This is acting da Sia, Todas as faixas foram reaproveitadas, com faixas indicadas para a Rihanna e até Shakira. O álbum é totalmente diferente do que vemos em ”1000 forms to fears”, mais músicas alto-astral, e menos músicas tristes, essa é a nova sia com peruca nova.

sny-shV1.png

Alguns dias após o lançamento do álbum da sia, nos estavamos desde 2014 a espera do R8 da Rihanna, e finalmente sabemos o seu nome, ”ANTi” o disco totalmente desconhecido, e incógnito para todos, cada um esperava uma coisa diferente da outra, e no dia 28 de janeiro nós fomos surpreendidos pelo lançamento de um dos singles do álbum, ”Work” um dos maiores hits de 2016, e um dia depois, o Cd foi vazado totalmente, e então a rihanna e sua equipe liberaram a sua carta, o Cd inteiro grátis pela loja do Tidal – que rihanna é uma das proprietárias -, e ainda uma assinatura grátis de três messes do serviço de streaming – que eu aproveitei até mais que três messes -. Isso fez do ANTi um sucesso de ”vendas”.
O ANTi trouxe umas teorias da conspiração que eu fiquei matutando o ano inteiro sobre. O que era o ANTiDiary? o que era aquele site que era super parecido com o da Cicada 3301?
A rihanna está muito satisfeita com o trabalho, tanto que uma das minhas frases favoritas é a cantada em consideration ‘I got do things on my own way darling’.rihanna-anti-menorcapa_de_anti_album

Uma semana depois do lançamento do álbum ANTi, a Beyoncé resolveu tombar com o universo, com o lançamento de FORMATION, uma das músicas do ano, e um grito do Black Lives Matter. Foi um Sabado de carnaval maravilhoso, e no dia seguinte ela lançando polêmica no Superbowl do Coldplay, apresentando Formation, totalmente empoderado e polêmico no meio musical. Ela roubou total o Show do Coldplay e do Bruno Mars simplesmente pelo fato das polêmicas envolvidas por conta do Black Panters.

30fb8cd400000578-3432666-image-m-248_1454906064915-e1454916991939upprbk2knmhxxt0bktyu6kw0arzyty

Em 2016 também tivemos o ultimo álbum do David Bowie, que é quase um álbum póstumo, o mesmo já sabia que seu fim estava próximo, e o Blackstar inteiro é sobre a morte. Com músicas muito pesadas, ele nos deu um presente de despedida a sua altura.9be2c1_f7a52a6db8dd4c648e6b1b234db48144http-%2f%2ffat-gfycat-com%2fdimregalkiskadee

Logo após o ANTi, saiu o álbum do Charlie Puth, o Nine Track Mind. Com um single maravilhoso ”We don’t  Talk Anymore” mostrou que também merece o seu espaço na musica.71j5det6njl-_sl1425_large

Logo em quatorze de fevereiro, veio um turbilhão chamado ”The Life Of Pablo”, Esse cd que estavamos cheios de espectativas para coisas maravilhosas, como um visual álbum do Kanye bem estilo Beyonce, mas não veio nada disso. Mesmo assim o The Life of Pablo é um dos melhores cds do ano, o Álbum que nos deu a polêmica do ”Vou IXXXXXXPÔ ela na internet, ”Famous” que deu o que falar esse ano.
Mas nem só de polêmicas vive o Kanye West. Mentira! É só de polêmicas simthe_life_of_pablo_alternatekanye-west-s-explique-sur-sa-video-polemique-famous_exact1900x908_l

De surpresa, o Kendrick Lamar, que deu o que falar em 2015 com o ”To Pimp a Buterfly”, veio com um Cd totalmente sem nome nenhum, ”The Untitled Unmastered”, com algumas musicas bem Kendrick, sobre sexo e suas vendas de drogas, o cd inteiro é de músicas que não foram para seus dois Álbuns.319b28a2dff3125ed22e67b6f65056bb971d0259kendrick-gif-5

Em dezoito de março, veio a Gwen Stefani com seu primeiro álbum solo depois do No Doubt, Mesmo ela tendo lançado vários singles e EPs ela nunca lançou um álbum solo. E veio o ”This is what The Truth Fells Like”.
33711dd4ece36550e3324ba6538fa48a.1000x1000x1.jpg

Com um single de estreia que seu clipe foi lançado ao vivo (e também gravado ao vivo) no Grammy 2016, Gwen mostrou que é uma Diva <3.giphy.gif

Madrugada do dia vinte e três de abril de 2016, um sábado/domingo maravilhoso. Todos estavam com uma espectativa enorme sobre o que era o Lemonade, um documentário, um novo álbum. Todos estavam com um pé meio atrás por conta da trollada que levamos com um anuncio super importante que na verdade era uma nova dieta que a Bey estava fazendo. Mas ai quando chegou o dia de sair lemonade, e todos vendo loucamente os trailers, quem tinha o tidal recebeu logo a notificação de que o lemonade era um álbum visual e conceitual.

635975805850781055-1800663644_lemonade-cover-790x425Ninguém entendeu de primeira o que significava Lemonade, e o que era o Lemonade. Mas depois de várias maratonas vendo o documentário inteiro no tidal ou no itunes ou nas pirataria da HBO, descobrimos que é um conceito sobre a vida da mulher negra, que enfrenta os preconceitos e tudo, mas ampliando uma suposta traição sofrida pela própria Beyoncé. e com a frase mais icônica do Álbum que é ”You better call becky with good hair”, da Música sorry.19188865

Dividida em segmentos, em onze segmentos que vão entre ‘intuition’, ‘denial’, ‘anger’, ‘apathy’, ‘emptiness’, ‘accountability’, ‘reformation’, ‘forgiveness’, ‘ressurrection’, ‘hope’ e ‘redemption’, O Lemonade é sem dúvidas o melhor álbum de 2016, e também, o melhor da Beyoncé, até agora. Espero que o próximo álbum dela também seja na mesma pegada do Lemonade.large (1).gifcd794507ff9d7f1d7eb3e190f0074e20

O ”Views” do Drake saiu dia 29 de abril, depois que todos já conheciam hotline bling, one dance e one love.
Logo ao sair a capa do views, o mesmo virou meme, todos faziam memes dele. segue uma seleção.

 

A Meghan Trainor veio agradecer aos fãs com o ”Thank You”, que teve hits como ‘No’ e ‘Me Too’. Meio preguiçosa da parte da Meghan, mas tem algumas músicas que valem aceitarmos essa gratidão, como Watch me do e Better.

meghan-trainor-thank-you-2giphy-1

Um dos maiores lançamentos do ano, Ariana Grande deu a volta por cima e mostrou que pode ser o que ela quiser, inclusive uma ”Dangerous Woman”. Com músicas chicletes e cheia de sensualidade, Ari deu a nós um ótimo terceiro álbum de estúdio.

ariana_grande_-_dangerous_woman_official_album_coverariana-grande-gif-into-you-music-favim-com-4445282music-video-ariana-grande-gif-dangerous-woman-Favim.com-4270605.gif

Um ano cheio para as meninas do Fifth Harmony, com a saída da Camilla Cabello nesse mês de Dezembro, mas em março, tivemos o lançamento de seu segundo álbum, o 7/27, com hits como Thats My Girl, All in my head e Work from Home.YA_Mar242016_fifth-harmony-announces-single-work-from-home-and-7-27-album.jpg

Vinte de agosto foi a vez do Frank Ocean, depois de um ”hiato” de quatro anos, saiu o Blonde. Álbum super esperado pelos críticos e por mim mesmo, o Blonde é super conceitual, nos moldes do Lemonade, the life of pablo e a seat at the table.
Com músicas soul super bem construidas e melodias que pegam, blonde é um dos lançamentos do ano.5f06f7f6.jpg

No mesmo dia saíram dois cds maravilhosos. Um Ep e outro um Comeback incrícel.

Glory da Britney, ela voltou ao pop de uma forma maravilhosa, cheio de farofa e um batidão carioca pra rebolar a bunda mesmo. Britney está em toda a sua glória.downloadgiphy (2).gif

Seguindo a moda de um episódio de Black Mirror que foi bastante compartilhado, ‘San Junípero’, os anos 80 voltaram, e uma das testemunhas desta volta é a Carly Rae Jepsen, que veio com um dos melhores cds do ano. O ‘Emotion Side B’, o título é uma metáfora aos segundos lados dos discos de vinil, Como se fosse o lado B do Emotion de 2015.carly-rae-jepsen-emotion-side-b-640x640

A seat at the table foi um dos cds que eu mais fiquei viciado em 2016, super conceitual, parecido musicamente com o Lemonade e o Blonde, a solange nos trouxe um trabalho sobre o racismo, empoderamento feminino e feminismo negro com melodias e uma voz suave, diferente de sua irmã.

Solange_-_A_Seat_at_the_Table.png

57f6754d1700001900ac9e66solange-donttouch-my-hair-3-640x360screen-shot-2016-10-02-at-5-54-15-pm

O penultimo lançamento da minha lista é o Joane, totalmente diferente do que a gaga costumava fazer. Um projeto country e conceitual que ela nos apresentou esse ano. Diferente da farofa que esperavamos, o Joane é um tributo a tia da gaga que está viva em seu coração de diamante.Csao6PdWEAUKb1v.jpglady-gaga-perfect-illusion_jpg_65ae4be06e5e81223f1315af2a2c8edf281f60ce-cbf5-429d-aacd-59b1d2a93240

E pra fechar com chave de ouro, mais um álbum do The Weeknd, Starboy, com uma collab do Daft Punk. O cd é bem The Weeknd mesmo, sem tirar nem pôr.

the-weeknd-starboy-daft-punk-download-album-cover.pngtenorthe-weeknd-daft-punk-starboy-mtv-ema-nomination-01

E esse foi minha retrospectiva dos lançamentos musicais desse ano. Pra mim, esse ano foi um dos melhores em termos de lançamentos da música internacional. Cheio de glórias, esposições, limonadas e joanas. Foi um ano turbulento ❤

 

Desculpem se a matéria ficou muito extensa, mas eu queri afazer algo bem completo.

Anúncios

5 comentários em “Retrospectiva 2016: musical, tudo que foi hit

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s